Vegetarianismo é destaque no programa Bem Estar, da Rede Globo

0

O programa Bem Estar, da rede Globo, abordou o vegetarianismo na última terça-feira (14). A matéria mostrou o crescimento do número de pessoas adeptas deste tipo de alimentação. No Brasil, há 14% de vegetarianos e em São Paulo, 16%, conforme pesquisa do IBOPE.

De acordo com o depoimento das pessoas, ficou claro que elas escolhem aderir ao vegetarianismo por um modo de vida mais saudável, pelo meio ambiente e por compaixão aos animais.

Especialistas mostram que vegetarianismo proporciona hábitos mais saudáveis

A matéria contou com o nutrólogo Carlos Nogueira de Almeida e a nutricionista Iara Waitzberg Lewinski, que explicaram como as dietas relacionadas ao vegetarianismo funcionam.

Por meio de exemplos práticos, eles mostraram aos espectadores quais alimentos são vetados em cada tipo de alimentação, além de responder as perguntas enviadas pelo público. Uma das principais dúvidas de quem assistia, era sobre onde encontrar o cálcio, componente existente em grande quantidade no leite animal.

De acordo com a nutricionista, o cálcio também pode ser obtido na alimentação livre de ingredientes de origem animal. “Existem inúmeros vegetais riquíssimos em cálcio. Inclusive, as leguminosas e, principalmente, os folhosos verde-escuros, como agrião, espinafre, brócolis, entre outros”, disse a especialista.

Outra dúvida dos telespectadores era relacionada à vitamina B12. Conforme o nutrólogo, a substância precisa ser ingerida por meio de suplementos.

Os especialistas ressaltam, ainda, que é importante ter orientação médica antes de adotar o vegetarianismo.

Família vegana encontra no veganismo uma vida mais harmoniosa e saudável

O programa apresentou uma família que vive num sítio, no interior de São Paulo, totalmente vegana. Eles não comem nada que tenha componentes de origem animal ou passado por um processo de exploração de seres sencientes.

Além de não consumirem alimentos que levam ingredientes de origem animal, ou que neles foram testados, a família estende essa prática para a vida diária. Produtos como cosméticos, higiene, roupas, entre outros, são livres de crueldade animal. Eles também não participam de nenhum tipo de atividade que explore animais.

A filha do casal, Martina Furlan, revela que deixou de praticar equitação, que a tornou campeã paulista e nacional, pelo amor aos animais.

A família cria 30 animais, todos tratados de forma igual, com respeito, os mesmos direitos, e resgatados de maus-tratos ou de abandono.

No sítio, eles cultivam, ainda, uma horta, com alimentos que não levam nenhum tipo de agrotóxico.

Vegetarianismo é cada vez mais apreciado pelo público

Ao longo do programa, foram enviadas mensagens aos especialistas e apresentadores. Entre elas, constavam declarações de pessoas que adotaram as dietas e como elas mudaram suas vidas. “Melhor decisão da minha vida”, relata uma delas. “Sou vegetariana há 36 anos. Hoje tenho 41 anos e minha saúde está 100%”, comenta a telespectadora Maria Aparecida Anselmo Pinheiro.

Confira o programa na íntegra (a matéria sobre vegetarianismo começa aos 1:11′):

*Fontes: G1; Bem Estar

*Imagem: divulgação



Deixe seu comentário