Embarque de animais vivos na Austrália: mais de 2.000 ovelhas morrem em navio para o Qatar

0

O governo australiano anunciou que vai investigar os maus-tratos a animais vivos, após a divulgação de um vídeo no qual milhares de ovelhas aparecem morrendo, devido ao estresse causado pelo calor num navio que viajava para o Oriente Médio.

*Por Brendan Foster para o The New York Times

O ministro australiano da Agricultura, David Littleproud, disse que estava chocado com as imagens. O político prometeu que os responsáveis pelo ato seriam punidos.

Aparentemente, o vídeo foi gravado em agosto de 2017, em uma transportadora de propriedade da Emanuel Exports, uma empresa com sede em Perth. O navio – Awassi Express – havia saído de Fremantle, um porto no oeste da Austrália, rumo a Doha, no Qatar.

A gravação foi exibida pelo programa de notícias “60 Minutes”, da Austrália. O vídeo mostra as ovelhas morrendo no convés, enquanto corpos em decomposição são jogados no mar. Há também imagens dos animais mortos nas próprias fezes. Mais de 2.000 ovelhas morreram de estresse por calor, de acordo com a reportagem.

Embarque de animais vivos é de extrema crueldade

Cerca de 1,4 milhão de ovelhas são criadas na Austrália Ocidental e levadas de navio por ano. Quase 75% do comércio anual de animais vivos da Austrália – cerca de US$ 766 milhões, vem do estado.

Para Josh Wilson, membro do Parlamento de Fremantle, a exportação de animais vivos tem sido um verdadeiro fracasso: “Não houve supervisão independente desses “navios da morte”, nem punição em relação à morte em massa e ao sofrimento dos animais”, falou Wilson.

“Em última análise, gostaríamos de ver uma proibição total de exportação de animais vivos para o Oriente Médio, mas isso provavelmente não vai acontecer”, disse Katrina Love, membro do grupo Stop Live Exports, que realizou um protesto em Perth na última segunda-feira.

Para saber mais, veja a matéria completa aqui.

O vídeo que está chocando o mundo segue abaixo. Cuidado, contém imagens fortes.

A denúncia foi feita pela ONG Animals Australia e há uma petição pública pedindo o fim da exportação de animais vivos. Ajude nesta causa e assine aqui.

*Fonte: The New York Times

*Imagem: Animals Australia, via Agence France Press – Getty Images



Deixe seu comentário