Ser vegetariano estrito é uma das melhores coisas que você pode fazer pelo meio ambiente

0

Há diversas formas de ajudar o meio ambiente. Ao se tornar vegetariano estrito, você verá que a sua decisão foi uma das melhores escolhas possíveis para a manutenção da vida em nosso planeta.

* Por Sarah Von Al

Muitas pessoas que se preocupam com o meio ambiente ainda não se deram conta de que, criar animais para alimentação, é algo incrivelmente destrutivo. Este artigo mostra as principais razões que fazem a alimentação vegetariana estrita ser uma das melhores maneiras de proteger a Terra.

Como o vegetariano estrito pode ajudar a salvar o planeta?

1. Protegendo as águas

A indústria da carne registra altos índices de poluição da água. Como há inúmeros animais confinados nas fazendas, a produção de estrume é maior do que a utilizada como fertilizante para terra. Desta forma, este material excedente tem sido descartado e vem poluindo cada vez mais rios e lagos.

2. Evitando a destruição de habitats

Em muitas regiões, os animais criados para alimentação vêm empobrecendo a superfície do solo. A vegetação natural é destruída, inclusive de habitats importantes, em um ritmo acelerado. Este problema já impacta na vida selvagem e está provocando a extinção de várias espécies.

3. Economizando água

A indústria da agricultura animal é extremamente sedenta. Somente nos EUA, a quantidade de água usada para o consumo dos animais e para o cultivo da alimentação animal representa 56%.

4. Preservando o desmatamento

A criação de animais para alimentação (incluindo terras para pastagem) ocupa atualmente um terço da superfície da Terra. De acordo com o Banco Mundial, 91% da destruição da floresta amazônica está relacionada à agricultura animal.

5. Salvando os oceanos

Recenseamento da vida marinha, concluído em 2010, mostrou que mais de 90% dos peixes grandes haviam desaparecido dos oceanos. Também há o problema das fazendas industriais que já criaram mais de 500 zonas mortas inundadas de nitrogênio em todos os oceanos.

6. Protegendo os animais selvagens

Milhares de animais selvagens, incluindo ursos, raposas e coiotes, são mortos todos os anos. Eles são considerados um perigo para as criações de gado. Somente nos EUA, 2 milhões de animais selvagens são mortos por ano.

7. Combatendo as mudanças climáticas

As mudanças climáticas são certamente grandes ameaças para a nossa sobrevivência na Terra. A criação de animais para alimentação produz mais emissão de gases do efeito estufa do que todos os carros, aviões e outras formas de transporte juntos. De fato, ser vegetariano estrito reduz as emissões de CO2.

Como pode ser visto, são diversas as razões que fazem com que o vegetariano estrito ajude a manter a vida no planeta Terra.

*Fonte: The Green Plate

*Imagem: divulgação

 



Deixe seu comentário