Revista Veja Rio estampa “Invasão Vegana” e destaca mercado em expansão

0

“Invasão vegana: não há crise no mercado de produtos que evitam a exploração de animais”.

invasao veganaA matéria da Veja Rio, que vai às bancas neste fim de semana, produzida por Fabio Codeço e Anita Prado, destaca o crescimento do mercado vegano em diversas áreas.

O documentário “What the Health”, lançado este ano, foi citado inicialmente, pois levantou uma grande e importante bandeira para os malefícios do consumo de carnes, ovos e laticínios, levando as pessoas à reflexão sobre este tema. E, para o veganismo, que combate a exploração animal para qualquer fim, acabou sendo também um excelente apoio, oferecendo embasamento e propagação de informação.

Ricardo Laurino – presidente da Sociedade Vegetariana Brasileira – SVB, disse: “As redes sociais têm ajudado a reverberar o respeito pelos animais e as notícias de maus tratos na indústria alimentícia. E filmes como esse dão força ao movimento ao expor, de um lado, as barbáries da pecuária e, de outro, os benefícios à saúde da adoção de uma dieta estritamente vegetal”.

Invasão vegana promove crescimento do mercado vegano

O crescimento de veganos têm aumentado significativamente: estima-se que já são por volta de 5 milhões somente no Brasil. Muitos pensam em reduzir o consumo de carne e uma grande parte das pessoas desconhece ou não possui informações sobre como a carne é produzida. Desta forma, as pesquisas sobre o veganismo na internet tiveram um crescimento de 1000% nos últimos 4 anos.

Toda essa evolução chamou a atenção de empreendedores das áreas de alimentação, moda, cosméticos, entre outros. Eles são adeptos da causa ou viram uma oportunidade neste nicho em alta.

De acordo com o SindRio, os 30 estabelecimentos inaugurados nos últimos 3 anos neste setor continuaram a prosperar, mesmo em meio à crise. Como exemplos, foram citados o .Org Bistrô, que dobrou de tamanho para acomodar a clientela; a rede carioca Hareburger, que está adaptando todo o seu cardápio para vegano com o objetivo de atender à demanda e o açougue vegano que, inclusive, estará presente no Rock in Rio deste ano e chega à São Paulo em outubro.

Empresas estrangeiras e investidores estão apostando em alimentação vegetal, que será forte tendência no futuro.

As feiras e eventos veganos também ganharam espaço e reúnem diversos expositores veganos que oferecem, além de comida, acessórios, roupas e cosméticos.

O número de pedidos de certificação de produtos veganos também têm crescido, de acordo com a Sociedade Vegetariana Brasileira – SVB.

Nomes como Face It (batom), Svetlana (moda), Teva (bar e restaurante), Empório Veganza (produtos de limpeza, higiene, petiscos, queijos e sorvetes) e Inglórios Tattoo, também foram destacados por seu crescimento e reconhecimento no mercado vegano.

A revista mostrou, ainda, uma clara explicação sobre quando o veganismo começou a se propagar pelo mundo, de acordo com a The Vegan Society.

Celebridades adeptas ao veganismo foram citadas, além de uma breve história: Kendrik Ferris (atleta); Paul Maccartney (cantor e ex-beatle); Ariana Grande (estrela pop); Giulia Gayoso (atriz); Woody Harrelson (ator); Natalie Portman (atriz) e Carl Lewis (atleta).

Para finalizar, médicos (mesmo os que consomem carne) concordam que, com acompanhamento, equilíbrio e bom senso, é possível levar uma vida 100% vegana e saudável.

*Fonte: Revista Veja Rio

*Imagem: Veja Rio / divulgação



Deixe seu comentário