Tome uma atitude! Gatos estão sendo mortos por casacos de pele

0

Esses casacos de pele tinham coleira?

*Por Michelle Kretzer para a PETA

Todos os anos na China, incontáveis gatos – alguns deles ainda usando coleiras – são sequestrados para serem enforcados, sangrando até a morte ou estrangulados com cordões de arame para retirarem sua pele.

Novas imagens de um mercado chinês mostram fornecedores vendendo casacos feitos de pele de gato malhado, tartarugas e gato laranja.

O vídeo contém imagens fortes. Para assistir, clique aqui.

Uma placa ao lado dos itens supostamente diz: “Pele de gato de verdade, não toque se você não quiser comprar”. A China é o maior exportador de peles do mundo. E é completamente legal comprar as roupas de pele de gato. Elas são vendidas nas proximidades do aeroporto.

Embora esses casacos de pele de gato sejam claramente marcados, os vendedores de pele chineses confundem deliberadamente as peles de cães e gatos antes de vendê-las em todo o mundo.

Casacos de pele: a crueldade com animais na China

Eles usam a mesma tática que muitos produtores de couro chineses fazem quando vendem acessórios feitos de pele de cachorro. A investigação de testemunhas oculares da PETA Asia revelou que os animais são espancados até a morte e sua pele é propositalmente rotulada e enviada para a Europa e os EUA.

Se você comprar pele de animal, não há uma maneira fácil de saber se você está realmente usando a pele de um cão ou gato. Mas, é claro: todas as peles e couro foram arrancados de um animal com tanta inteligência, personalidade e capacidade emocional, quanto os que compartilhamos em nossos lares.

Por favor, deixe itens de peles e couro na prateleira. Deixe toda a pele em seu legítimo proprietário.

Você pode ajudar a acabar com esta crueldade:

Participe da campanha e peça à Macy para acabar com as vendas de todos os tipos de pele imediatamente.

Você também pode participar da campanha para incentivar a Levi’s a usar material vegano.

*Fonte: PETA

*Imagem: divulgação



Deixe seu comentário