Fulaninho, o cão que ninguém queria

0

O curta-metragem Fulaninho, o cão que ninguém queria foi produzido pelo Instituto Nina Rosa, em 2001, com o objetivo de conscientizar o público infanto-juvenil sobre a guarda responsável dos animais de estimação.

O filme mostra a história de Fulaninho, um cão sem raça definida. Logo que nasceu, o cachorrinho foi abandonado, junto com seus três irmãos. Deixado em uma caixa, o animalzinho foi adotado por uma família. Mas, depois de um tempo, foi novamente largado nas ruas.

A obra demonstra como abandonar animais pode trazer complicações graves a eles, como: fome, maus-tratos, doenças e até morte.

Além disso, o filme enaltece também a relevância da adoção de animais. Muitos cães e gatos morrem nas ruas ou em abrigos, sem saber o que é ser amado por uma família.

Com uma linguagem bem didática, voltada especificamente para o público mais jovem, o curta-metragem ensina cuidados básicos que os tutores precisam ter com seus animais.

A obra apresenta a importância de dar banhos neles, oferecer água fresca e ração adequada, além de levá-los ao veterinário, para que possam tomar medicações e vacinas essenciais para evitar determinadas doenças, como a raiva, por exemplo.

Além disso, o filme de curta duração ressalta que os tutores de animais devem castrá-los, para evitar que cães e gatos tenham filhotes indesejados e, dessa forma, não culminar em um abandono, como foi mostrado no início da história do protagonista.

A castração só acarreta benefícios aos animais: evita complicações graves, além de deixá-los mais tranquilos. Consulte mais vantagens desse procedimento aqui.

Confira a seguir o curta-metragem completo:

Fulaninho, o cão que ninguém queria: obra foi muito utilizada por órgãos municipais

Secretarias de Saúde de diversos municípios do país utilizaram o filme nos anos 2000, junto com um manual pedagógico e caderno de brincadeiras, para distribuir às crianças de muitas escolas, com o objetivo de orientar sobre ter responsabilidade em relação aos animais domésticos.

Ficha técnica:

Fulaninho, o cão que ninguém queria
2001
Direção: Denise Alves
Produção: Instituto Nina Rosa – projetos por amor à vida
Duração: 19m21s

*Fonte e imagem: Instituto Nina Rosa



Deixe seu comentário