Dia Mundial dos Animais, Dia da Natureza e Dia do Cachorro são celebrados em 4 de outubro

0

Em 4 de outubro comemora-se o Dia Mundial dos Animais, Dia da Natureza e Dia do Cachorro. A escolha da data no mesmo dia desses três símbolos importantes para os amantes dos animais e da natureza tem um motivo: é comemorado também o dia de São Francisco de Assis, que dedicou sua vida aos pobres e à proteção dos animais e do meio ambiente.

Dia Mundial dos Animais

O Dia Mundial dos Animais foi estabelecido em 4 de outubro na década de 1931. A intenção da data é celebrar toda a forma de vida animal, doméstico ou não, no mesmo dia de seu padroeiro, São Francisco de Assis.

Animais, como peixes, vacas, aves, porcos, cabras, cães, gatos, cavalos, jumentos, elefantes, ursos, visons, entre outros, são mortos e explorados diariamente, a cada minuto, em fazendas, abatedouros, laboratórios, circos, zoológicos, na indústria do leite e de ovos, para utilização de seus pelos e pele, etc.

A comemoração deste dia seria perfeita se todos tivessem direito à liberdade para viverem suas vidas e fossem respeitados. Por isso, vamos continuar trabalhando em prol dos animais, sendo sua voz, levando informação e compaixão para que as pessoas possam refletir sobre suas atitudes e mudar hábitos.

Mais do que uma celebração, o Dia Mundial dos Animais serve para conscientizar as pessoas sobre o direito dos animais, lembrá-las das espécies em extinção e alertar sobre a crueldade cometida contra seres indefesos.

Dia da Natureza

Outra comemoração relacionada a São Francisco de Assis é o Dia da Natureza. Além de padroeiro dos animais, o santo também é conhecido por ser protetor da natureza. Desta forma, a celebração ficou estabelecida na mesma data.

Por natureza, entende-se: a terra, a água, as árvores, a atmosfera, os animais, etc., ou seja, tudo aquilo que existe no planeta Terra e que não é produzido pelo ser humano.

Ocorre que o homem está destruindo a natureza e degradando o meio ambiente, explorando-o continuamente, sem consciência, respeito e limites. O desmatamento desenfreado da Amazônia para a pecuária, a caça ilegal e tráfico de animais silvestres, o lixo jogado em rios, mares e lagos, matando milhares de espécies marinhas e poluindo a água, o solo castigado pelos pesticidas na agricultura, afetando lençóis freáticos são alguns dos diversos exemplos de ações indevidas realizadas pelo homem. O resultado dessas atitudes afeta negativamente a vida em geral da natureza, dos animais, do planeta e, claro, do próprio ser humano.

Neste dia também são realizadas ações para conscientizar as pessoas sobre a importância de se preservar a natureza. Atividades como plantar uma árvore, limpar uma praia ou um parque e reciclar materiais, por exemplo, são atitudes que têm como objetivo homenagear a data e fazer com que as pessoas as pratiquem também durante o restante do ano.

Dia do Cachorro

Aproveitando o Dia dos Animais, 4 de outubro também ficou estabelecido como o Dia do Cachorro. O bichinho presente na maioria das famílias tem uma data especial escolhida por ONG’s e outras instituições de proteção aos cães, para lembrar e conscientizar a população sobre o abandono e maus tratos que muitos deles sofrem diariamente.

Tantas comemorações fazem o dia 4 de outubro ser triplamente especial para aqueles que lutam por essas causas e se dedicam a levar informação e apoio para a população. O Dia Mundial dos Animais, Dia da Natureza e do Cachorro devem ser celebrados para que seus direitos e proteção sejam garantidos e preservados por todos.

E, mesmo que você não tenha a crença cristã sobre São Francisco de Assis, contribua da forma que puder com os animais e a natureza, em prol de um mundo melhor para todos!

Fontes: Uol  / USJT / Portal do Dog / Wikipédia / Calendarr / Estudo KidsBrasil Escola / Calendarr

Imagem: Pixabay



Deixe seu comentário