Dia Mundial do Vegetarianismo: modo de vida é a chave para salvar o planeta

0

Em 1º de outubro (01), é celebrado o Dia Mundial do Vegetarianismo. A data foi instituída pela Sociedade Vegetariana Norte Americana com o objetivo de mostrar à sociedade a importância deste modo de vida, que salva milhares de animais, além de preservar o planeta e ser benéfico à saúde das pessoas.

Dia Mundial do Vegetarianismo: modo de vida está em ascensão

O vegetarianismo está crescendo cada vez mais no mundo, inclusive no Brasil. Uma pesquisa realizada em maio de 2018, revelou que 14% da população brasileira se considera vegetariana, o equivalente a 30 milhões de pessoas.

Segundo o levantamento, esse crescimento segue a tendência mundial na busca por uma alimentação mais ética, sustentável e saudável. As pessoas estão mais preocupadas com o bem-estar dos animais e da Terra, assim como com sua saúde, depois de tantos alertas, inclusive da Organização Mundial da Saúde, dos riscos do consumo de carne e demais alimentos de origem animal.

No mundo todo, aumenta o número de empresas que se interessam pelo mercado vegetariano. Segundo um estudo do UBS Group AG, o setor de carne vegetal deve atingir US$ 85 bilhões até 2030. Isso mostra que há um crescimento cada vez maior de consumidores de carnes baseadas em vegetais.

Na cidade São Paulo, a alimentação vegetariana ganha espaço nas escolas municipais. No começo de 2019 entrou em vigor o projeto Cardápio Escolar Sustentável, uma iniciativa da Prefeitura de São Paulo com a Sociedade Vegetariana Brasileira, para dobrar a oferta de proteínas vegetais nas escolas públicas da cidade.

Como o vegetarianismo se classifica

O vegetarianismo é uma dieta que se baseia no consumo de alimentos de origem vegetal. Nesta alimentação, qualquer tipo de carne é excluído. Dentro deste regime, há algumas vertentes. Confira a seguir as classificações:

– Ovolactovegetariano: nenhuma carne é consumida, mas, laticínios e ovos são ingeridos.

– Lactovegetariano: carne e ovos são excluídos nesse regime. Porém, laticínios são consumidos.

– Ovovegetariano: este regime exclui carne e laticínios. Mas, ovos são incluídos.

– Vegetariano estrito: todo tipo de carne, laticínios, ovos, mel e qualquer produto proveniente de animais é eliminado dessa dieta.

O vegano estende essa exclusão para os demais aspectos de sua vida, tanto por questões éticas, como pela compaixão e reconhecimento dos direitos animais.

Isso vale mesmo que a mercadoria não tenha ingredientes animais. Porque, se em algum momento de sua produção um ser senciente tenha sido utilizado, como em testes, por exemplo, o vegano não consome.

Dia Mundial do Vegetarianismo: ocasião propícia para mudar hábitos

O Dia Mundial do Vegetarianismo é uma ocasião especial para refletir sobre nossos hábitos. É uma oportunidade para conhecer mais sobre os benefícios da alimentação vegetariana, seja em termos de saúde, como em relação ao bem-estar dos animais e à preservação da natureza.

Veja abaixo algumas ações que você pode colocar em prática, em prol de um mundo melhor para todos:

– Já experimentou algum prato vegetariano?  O que acha de conhecer mais e se surpreender? Aprenda receitas novas sem ingredientes de origem animal. Cozinhe para sua família e amigos. Você pode consultar diversas receitas em nosso site clicando na página Receitas;

– Amplie sua compaixão e reflita sobre a vida dos animais de criação para consumo e todo o sofrimento a que são submetidos desde que nascem, até o momento do abate. Saiba mais informações na seção Artigos/Bem-estar e Direito animal do portal;

– Converse com seus amigos sobre o vegetarianismo e saiba o que cada pessoa pensa sobre o assunto. Compartilhem informações, discutam o tema, sempre respeitando a opinião uns dos outros. Há sempre eventos que promovem esses debates. Fique atualizado sobre essas atividades consultando a página Eventos no Facebook do portal Mimi Veg;

– Assista a alguns filmes sobre o tema e veja como o vegetarianismo é a chave para salvar o planeta (indicamos alguns deles na nossa seção Vídeos);

– Vá a algum restaurante, café, doceria ou lanchonete que ofereça alimentação vegetariana e experimente novos sabores. Veja sugestões de lugares em Rotas;

– Leia sobre os impactos da alimentação onívora no meio ambiente e suas implicações na saúde das pessoas. No portal há artigos e notícias sobre meio ambiente e alimentação.

Aproveite o dia de hoje para ficar por dentro deste universo, repensar hábitos e fazer mudanças positivas e significativas em prol de um mundo melhor para os animais e ao planeta!

*Imagem: divulgação

Você também pode gostar de ler:

Número de brasileiros que aderem ao vegetarianismo dobra em seis anos, diz Jornal da Record

Jornal da Globo destaca o crescimento do mercado vegetariano no Brasil

SVB fala no programa Todo Seu – TV Gazeta sobre o crescimento do vegetarianismo



Deixe seu comentário