Relatório mostra que pessoas acima de 60 anos estão adotando mais o veganismo

0

Pessoas acima de 60 anos estão repensando seus hábitos e aderindo mais ao veganismo, segundo uma pesquisa divulgada no The Telegraph. Entre os fatores que motivam esse grupo a adotar o modo de vida, estão a consciência sobre a crueldade animal e, principalmente, os benefícios para a saúde que são conquistados ao se tornar vegano.

*Por Maria Chiorando para o Plant Based News

Um número crescente de pessoas com mais de 60 anos está aderindo ao veganismo, de acordo com um relatório publicado no The Telegraph (saiba mais aqui ).

Embora o artigo cite “crueldade animal em práticas agrícolas” como um fator motivador para o abandono de produtos de origem animal, a adesão ao veganismo concentra-se, principalmente, nos benefícios para a saúde, incluindo perda de peso, aumento dos níveis de energia e melhor digestão, entre outras vantagens.

Benefícios do veganismo para a saúde

“Uma dieta vegetariana estrita reduz o diabetes e contribui com a diminuição de problemas renais”, disse o Dr. Frank Miskelly, médico consultor em atendimento a idosos do Imperial College Healthcare NHS Trust.

“As dietas hiperproteicas associadas aos comedores de carne podem prejudicar os rins”, acrescenta o especialista. “Há muitas evidências sobre os benefícios do veganismo para a saúde. Eu gostaria de ver um número maior de estudos sobre isso em pessoas mais velhas”, declara o médico.

Os jovens e o veganismo

O relatório segue múltiplas pesquisas e análises de mercado. Ele mostra que, em geral, os jovens têm uma propensão maior a se tornarem veganos do que os mais velhos, de acordo com dados divulgados em 2018 (veja mais aqui).

Além disso, um em cada quatro ingleses está pensando em reduzir sua ingestão de carne, diz a pesquisa. De acordo com os dados, pessoas de 18 a 44 anos são as mais propensas a deixar de comer animais.

*Fonte: Plant Based News

*Imagem: divulgação



Deixe seu comentário